O que faz a ADCE?

Acredito que você tenha chegado até aqui porque se interessou pelas frases e conteúdos disponibilizados em nossas redes sociais; ou talvez por “ouvir falar” de uma tal de ADCE. Mas afinal de contas, o que faz esta ADCE? No que consiste esta Associação? Talvez consiga sanar estas dúvidas imediatamente. Porém o objetivo aqui é principalmente suscitar o debate, discutir caminhos e de que forma podemos atuar como dirigentes cristãos.

A Associação de Dirigentes Cristãos de Empresa nasceu com o objetivo de conscientizar sobre o papel do empresário em seu meio interno, com colaboradores e parceiros e a sua atuação externa, numa sociedade que cada vez se acelera sem ter consciência dos danos causados as pessoas e ao meio em que habitam. Valores que muitas vezes entram em choque com a “numerificação” das pessoas e do avanço tecnológico e da busca desenfreada pelo lucro exorbitante e sucesso a qualquer custo.

A ADCE tem as suas bases calcadas na Doutrina Social da Igreja – que estamos atualmente distribuindo pequenas pílulas através de nossas redes sociais – que norteiam as condutas de qualquer pessoa que queira atuar na sociedade de acordo com princípios deixados por Cristo.

Até aí tudo beleza! Mas como ser cristão neste mundo corporativo injusto e cruel em que vivemos?

Da mesma forma de que atuamos como pessoas individuais (ou de certa forma caminhamos) com todas as dificuldades e quedas. Temos que fincar como princípio básico de que somos CRISTÃOS. Pois não se consegue ter uma conduta individual, seja na igreja, seja em família ou com os amigos diferente da conduta como empresário. Não existe esta separação! Somos a mesma pessoa atuando no escritório com os colaboradores ou sentada no banco participando da Santa Missa.

Como Cristo bem salientou, “Nenhum servo pode servir a dois senhores: ou há de odiar a um e amar o outro, ou há de aderir a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e ao dinheiro” (cf São Lucas 16, 13) e neste caso aqui não é explicitamente ao dinheiro em si (senão ninguém aqui seria empresário) mas a forma como você conquista e reinveste este dinheiro na sociedade.  

Tudo bem, somos cristãos (e aqui o princípio de cristão não é somente colocar no folhetinho ou no site a frase mágica DEUS É FIEL atribuindo a isso um tom supersticioso ou milagroso) mas como podemos atuar de forma cristã em nosso negócio?


Me veio neste momento o Evangelho da multiplicação dos pães: “Mas, disseram eles, “nós não temos aqui mais que cinco pães e dois peixes”. (cf São Mateus 14, 17). Muitas vezes enxergamos a nossa contribuição como ínfima ou mesmo nula diante da opressão de uma sociedade ou que somos incapazes de operar alguma mudança. Temos que saber que são através destes poucos peixes e pães que o milagre acontece!

Mas como? Você chegou a pensar que pode, por exemplo, como empresário fomentar que os colaboradores façam um curso juntos, por exemplo? Ou mesmo auxiliar estagiários com vagas que realmente aprendam ofícios úteis para o resto de sua trajetória profissional. Ou ainda reservar uma pequena parte de seu produto para que possa ser doado a uma instituição mensalmente. Criar um grupo de aprendizado de línguas aberto para a sociedade usando uma sala da sua empresa como ponto de encontro. Quem sabe cuidar de uma praça de sua cidade? As possibilidades são infinitas! Basta saber que nossos pães e peixes são poucos, mas que eles podem fazer a diferença para alguém.

O que queremos como Associação? Sabemos que sozinho seu alcance é limitado. Como associação você pode ter muito mais chance de encontrar pessoas que possam te auxiliar no caminho, com conhecimento acumulado e trocar experiências de ações cristãs.

Queremos através de nossa atuação conscientizar mais empresários a trilhar este caminho. Fazendo o milagre acontecer a cada palestra, texto, evento on-line, imagem etc. sabendo que nossos instrumentos são poucos, mas a vontade de fazer pessoas melhores na sociedade é infinitamente maior.

Como disse, este espaço abaixo é seu!
Comente o que acha e como você pode ajudar a ADCE.

Traga seus pães e peixes.
Chegou a nossa vez de operar milagres na vida das pessoas.

Até mais.

Fábio Fernando Torrezan
Design Gráfico e Diretor de Comunicação da ADCE Sorocaba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *