Palestra de “Teco Barbero” na ADCE

Foto da formatura em jornalismo de Teco Barbero. (sentado o quarto a esquerda)
No próximo dia 21 de outubro, haverá palestra no Espaço São Bento, promovida pela ADCE Núcleo Sorocaba. O tema da palestra será ” A força da Superação” com o depoimento de “Teco Barbero – Antonio Walter Barbero, jornalista profissional e fotógrafo, considerado o primeiro deficiente visual fotógrafo do Brasil . Seu trabalho está publicado no site http://www.fotografocego.com.br/ e já recebeu mais de 100 mil acessos.
A palestra de Teco Barbero aos empresários e lideranças cristãs que acompanham o trabalho da ADCE em Sorocaba é uma demonstração de seu esforço e trabalho nos 29 anos de vida que vive, desde que nasceu com a deficiência visual de mais de 95% da visão.
Atualmente Teco Barbero presta serviços na Faculdade de Engenharia de Sorocaba como jornalista, trabalhando na editoria e revisão do jornal através da leitura dos textos.
Formado pela Universidade de Sorocaba- foto acima- Teco Barbero pretende com mais esta experiência de palestrante na ADCE seguir a carreira de falar em entidades, associações, empresas, levando sua experiência de vida na busca da superação. Seu currículo inclui o domínio de vários idiomas e estágios na Itália e visitas a países como o Estados Unidos e Europa.
O Convite para a participação da palestra de Teco Barbero na ADCE Núcleo Sorocaba começa a ser feito em 1 de outubro e as vagas são limitadas. Início às 8h30 com o tradicional café da manhã da ADCE e às 9hs a abertura do evento. Informações podem ser obtidas pelo telefone 15 34118140 com Vanderlei Testa-Diretoria de Comunicação da ADCE Núcleo Sorocaba.
Reunião da Diretoria
A diretoria da ADCE Núcleo Sorocaba reuniu-se no dia 30 de setembro para deliberação da aprovação dos Estatutos da Entidade.
O presidente Leosmar Gonzales Martinez apresentou aos diretores um relato de sua participação no evento da ADCE SP com os membros do Conselho da Uniapac.
Leosmar voltou da reunião entusiasmado com os trabalhos desenvolvidos a nivel mundial pela entidade, que busca na economia do ser humano a verdadeira fonte da riqueza.
Em breve teremos um resumo escrito pelo presidente que veicularemos aqui no blog.

MISSÃO, VISÃO, VALORES



A ADCE é uma sociedade civil de caráter cultural e educativo, sem fins lucrativos, com sedes e foro na cidade onde funciona. Tem por objetivo, estudar, viver e definir nas atividades econômica e social os princípios e aplicações dos ensinamentos cristãos, através da educação e da formação do meio empresarial. Para isto, promovem estudos, pequisas, cursos, conferências, seminários, congressos, publicações e quaisquer atividades que possam contribuir para o atendimento pleno das metas adeceanas.NOSSA MISSÃO é Unir, orientar e motivar os dirigentes de empresa para a prática efetiva do pensamento social cristão, comprometendo-se com seu melhoramento pessoal, com a transformação do ambiente empresarial e com a edificação de uma sociedade mais justa, que promova a dignidade da pessoa e objetive o Bem Comum.

Como norma e conduta, a ADCE têm sua Carta de Princípios do Dirigente de Empresa e seu Decálogo do Empresário Cristão, ambos baseados nos fundamentos da Doutrina Social Cristã, e se definem como a união de dirigentes de empresas que reconhecem e estão decididos a promover os valores humanos na empresa e na sociedade. Em síntese:• afirmam que a empresa, como comunidade de pessoas e de trabalho, é núcleo indivisível constituido diretamente de investidores, dirigentes e trabalhadores, aos quais indiretamente se ligam os consumidores, e é base insubstituível da vida sócio-econômica de um país;• propugnam para que a política econômica tome em conta os interesses de todos os membros da sociedade, segundo os princíoios da solidariedade cristã;promovem a revalorização da formação empresarial e o restabelecimento da positiva imagem do empresário;• contribuem para a formação social dos empresários e dirigentes de empresa, a fim de que estejam em posição de resolver, com pleno sentido de responsabilidade social, os problemas inerentes às funções que exercem;• facilitam o intercâmbio de experiências sobre realizações na empresa; e• querem impulsionar e ajudar os homens de empresa a atuarem individualmente e coletivamente para que a empresa se transforme, com o fim de assumir melhor sua função criativa a serviço do Homem numa sociedade em mudança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *